Inteligência e insights

No ano passado, as estratégias e práticas de segurança foram testadas como nunca antes.

Juntamente com as oportunidades de violação apresentadas pela pandemia, uma população de chantagistas está crescendo à medida que novos cibercriminosos são atraídos para operações de baixo risco e alta recompensa. Operadores de ransomware bem-sucedidos melhoram o seu jogo à medida que se concentraram em novas oportunidades de monetização.

E embora muitas empresas tenham sido atraídas pela eficiência, elasticidade e inovação da nuvem, elas foram lembradas de como a segurança é o outro lado da mudança: migrações e transformações devem ser seguras por design para colocar cargas de trabalho com segurança na nuvem e possibilitar melhores resultados de negócios.

À medida que as ameaças cibernéticas complicam um mundo já bastante corrompido, os(as) líderes de segurança precisam acelerar a resiliência, adaptar-se às mudanças e garantir que o C-suite esteja totalmente integrado. Ter a inteligência certa no momento certo pode fazer toda a diferença. Com o Relatório de Inteligência de Ameaças Cibernéticas da Accenture, trazemos as informações mais recentes sobre como proteger sua organização.

O relatório mais recente se concentra nas tendências de ameaças cibernéticas do início de 2021 e nas perspectivas sobre as ameaças no cenário de tecnologia operacional (OT).

>60%

de ataques contaram com extorsões de dados em 2020

12

tempo de inatividade operacional médio por dia devido a ataques de ransomware em 2020

Nosso histórico

A equipe Accenture Cyber Threat Intelligence vem aprimorando sua expertise em ameaças de forma relevante, oportuna e acionável há mais de 20 anos.

Nossas equipes de inteligência de ameaças cibernéticas e resposta a incidentes investigaram vários casos de suspeita de espionagem e segmentação por motivação financeira. Durante essas investigações, nossos analistas de inteligência e respondentes de incidentes tiveram visibilidade em primeira mão das táticas, técnicas e procedimentos (TTPs) usados por alguns dos mais sofisticados adversários cibernéticos.

Nossos relatórios visam aprimorar o trabalho de suas equipes de segurança e agregar valor aos seus investimentos em cibersegurança - tanto em relação aos processos quanto à estratégia de negócios -, além de ajudar a sua organização no caminho para a resiliência cibernética.

"Cada um de nós precisa de visibilidade clara de nossas próprias vulnerabilidades - e acompanhar a evolução das ameaças cibernéticas por meio de uma melhor expertise é a maneira certa de estar mais preparado(a)."

– JOSHUA RAY, Diretor executivo – Accenture Security

As tendência em 2021 incluem demandas de ransomware, abuso de estruturas de teste de penetração, malware de commodities e habilitação da Dark Web para novos desafios em redes de TI e OT.

A inteligência de ameaças cibernéticas fornece informações e ameaças inseridas em um contexto, para que as organizações possam aprimorar sua capacidade de detectar e prevenir ameaças. Um programa de inteligência de ameaças bem-sucedido conta com um conjunto abrangente de dados, recursos técnicos, habilidades de pessoas e processos apropriados.

A inteligência em ameaças cibernéticas ajuda as organizações a entender as atividades de ameaças atuais e históricas, os motivos e recursos dos agentes, a fim de alocar recursos de forma mais eficaz e estabelecer uma postura de segurança mais proativa. Ao ficar à frente das vulnerabilidades e entender as ameaças geopolíticas e regionais, as organizações podem fortalecer sua infraestrutura de segurança e proteger a continuidade dos negócios.

A inteligência em ameaças fornece informações para apoiar a tomada de decisões e melhorar a segurança. Os analistas rastreiam os agentes e grupos de ameaças para identificarem atividades maliciosas. Eles buscam evidências de outras atividades suspeitas na Web, como compra e venda de credenciais, códigos maliciosos e explorações de vulnerabilidade de dia zero. Com essas informações, eles desenvolvem inteligência para detectar e responder às ameaças mais rapidamente. Eles também gastam tempo avaliando aplicativos para descobrir vulnerabilidades e prevenir ataques.

Sobre os autores

Joshua Ray

Managing Director – Accenture Security


Howard Marshall

Managing Director – Accenture Security, Global Cyber Threat Intelligence Lead


Valentino De Sousa

Senior Principal – Security Innovation


Christopher Foster

Senior Principal – Security Innovation


Jayson Jean

Senior Manager – Accenture Security

MAIS SOBRE ESTE TEMA

Relatório de Inteligência de ameaças cibernéticas
Resposta e recuperação de ransomware
Empresas Ciber Resilientes

Conheça o time

CENTRAL DE ASSINATURAS
Continue informado com nossa newsletter Continue informado com nossa newsletter