Skip to main content Skip to Footer

ÚLTIMOS PENSAMENTOS


Gestores e máquinas, unidos!

Máquinas inteligentes estão prestes a mudar as funções de gestão e reformular a força de trabalho do futuro.

VISÃO GERAL



As empresas começam a utilizar as máquinas inteligentes — sistemas de informação que percebem, compreendem, agem e aprendem — para automatizar tarefas rotineiras que ocupam grande parte do tempo dos líderes. Processos de coordenação, acompanhamento de desempenho e programação de recursos e atividades são os principais candidatos para a automação e poderão trazer economia às empresas. As máquinas inteligentes também vão liberar os gestores para se concentrarem em questões e atividades mais estratégicas e essa oportunidade mudará as regras do jogo.

FAÇA O DOWNLOAD: GESTORES E MÁQUINAS, UNIDOS! TRÊS PASSOS PARA APROVEITAR A COMPUTAÇÃO COGNITIVA [PDF]

PRINCIPAIS CONCLUSÕES

O primeiro estudo sobre o impacto da computação cognitiva na gestão, revelou três questões que podem impedir a união bem-sucedida entre gestor e máquina.

  • Os gestores têm uma compreensão incompleta do que necessitam para obter resultados positivos ao se aliarem às máquinas inteligentes. Apenas um quinto dos entrevistados acreditam que as redes sociais, o desenvolvimento de pessoas e a colaboração serão aspectos importantes dos seus papéis no futuro.

  • Há uma lacuna de confiança dentro da área gerencial. Apenas 14% dos gestores de primeira linha e 24% dos gestores intermédios concordam plenamente que confiariam nos conselhos das máquinas inteligentes na tomada de decisões de negócio. Quase metade dos executivos (46%) estão totalmente de acordo.

  • Ao levar em conta a maneira em que, recentemente, as máquinas inteligentes têm entrado em cena, não existe um caminho claro para aproveitar a oportunidade da automação. Os líderes devem procurar formas de avançar ao invés de continuar na incerteza.

EM SUA INDÚSTRIA

Máquinas inteligentes estão prestes a mudar as funções gerenciais e reformular a força de trabalho do futuro. Confira a opinião dos gestores de diversos segmentos da indústria.

RECOMENDAÇÕES

Desenvolva o conjunto de habilidades adequado.
Os gestores têm habilidades que impulsionarão o desempenho organizacional e habilidades interpessoais para desenvolver equipes, fomentar a inovação e incentivar novas formas de trabalho.

Reunir as tropas.
Os líderes devem aproveitar suas próprias habilidades interpessoais para inspirar seus gestores e incentivar o uso das máquinas inteligentes para moldar o futuro do trabalho.

Abrace o desconhecido.
Os líderes e seus gestores devem experimentar e identificar as máquinas que podem ser aproveitadas pela empresa e equipes. Uma abordagem de "falhar rápido" irá ajudá-los a identificar oportunidades de valor.

SAIBA MAIS SOBRE ACCENTURE STRATEGY

84% dos gestores em todos os níveis acreditam que as máquinas irão torná-los mais eficazes e fazer com que o seu trabalho seja mais interessante.

METODOLOGIA

Em agosto e setembro de 2015, o Accenture Institute for High Performance entrevistou 1.770 gerentes de diversos níveis em 14 países, de 17 indústrias distintas. O objetivo foi de avaliar o impacto da computação cognitiva sobre as tarefas desses gestores e também de entender suas percepções de suas atuais funções e competências, bem como o futuro das suas posições. Adotamos a definição que máquinas inteligentes são computadores e aplicativos que recolhem e analisam dados, tomam decisões ou fazem recomendações relativas e aprendem com a experiência.

SAIBA MAIS SOBRE O ACCENTURE INSTITUTE FOR HIGH PERFORMANCE

Autores
SUGESTÃO DE CONTEÚDO