Skip to main content Skip to Footer

FORÇA DE TRABALHO DO FUTURO


DA FUSÃO ENTRE A TECNOLOGIA INTELIGENTE E A CRIATIVIDADE HUMANA SURGE A FORÇA DE TRABALHO DO FUTURO

Na era da Inteligência Artificial (IA), o sucesso das empresas dependerá cada vez mais da colaboração entre máquinas e pessoas. A IA aprimorará as capacidades das pessoas e, com isso, elas ajudarão as máquinas inteligentes a aprender e melhorar. Além de promover a eficiência, essa parceria trará novas formas de crescimento e inovação. Para terem sucesso, as organizações precisam reinventar o trabalho, direcionar seu pessoal para novos modelos de crescimento e qualificar sua força de trabalho com novas habilidades a fim de produzirem trabalhos de maior valor.

O investimento em IA e na Colaboração Homem-Máquina pode aumentar a receita em 38% até 2022

PRINCIPAIS CONCLUSÕES

Embora as empresas sejam bem-sucedidas ao utilizar a IA para melhorar a eficiência, muitas buscam usá-la para promover o crescimento. A capacidade de criar novas experiências para o consumidor está na interface entre pessoas e máquinas inteligentes. Nosso modelo econômico e nossa extensa pesquisa com mais de 1.200 líderes de negócios e 14.000 trabalhadores mostram que é urgente tomar uma atitude.

O investimento em IA aumentará a receita, os lucros e os empregos

Se as empresas investirem em IA e na Colaboração Homem-Máquina seguindo os níveis das cinco companhias com melhor desempenho, elas poderão aumentar sua receita em 38% e melhorar os índices de emprego em 10% entre 2018 e 2022. Isso significa uma média de US$ 7,5 bilhões e 5.000 empregos para uma empresa S&P500 nesse período.

Crescimento de receita e emprego por setor


Revenue boost by Industry Revenue boost by Industry

As empresas reconhecem que a parceria entre pessoas e máquinas inteligentes é necessária para agregar valor
intersection of humans and intelligent machines

61%

dos líderes de negócios esperam aumento nas funções que exigem colaboração com a IA nos próximos três anos.

54%

afirmam que a Colaboração Homem-Máquina é importante para atingirem suas prioridades estratégicas.

46%

afirmam que as tradicionais qualificações profissionais se tornaram obsoletas.

Os trabalhadores estão ansiosos
para trabalhar com IA

67%

Será importante aprender novas habilidades para trabalhar com IA nos próximos 3 a 5 anos.

45%

A IA ajudará a fazer meu trabalho com mais eficiência.

34%

Tenho plena confiança em minhas habilidades para trabalhar com IA.

Os empregadores subestimam a disposição de seus funcionários


ONLY 3%

dos executivos afirmam que pretendem aumentar significativamente o investimento em programas de treinamento e reciclagem nos próximos três anos.

Existe uma rara oportunidade de reformular o trabalho e investir em habilidades para trabalhar com IA

62%

das pessoas acreditam que a IA terá um impacto positivo em seu trabalho.

63%

dos líderes de negócios acreditam que a IA resultará em aumento líquido no número de empregos para suas organizações nos próximos três anos.

29%

das empresas já remodelaram significativamente as funções de seus cargos.

PRÓXIMOS PASSOS

Os líderes devem considerar os seguintes passos para criar a força de trabalho do futuro, com pessoas e máquinas inteligentes trabalhando juntas para melhorar produtividade, inovação e crescimento:

Reimagine Work
  • Avaliar tarefas, e não os empregos. Alocar trabalho para máquinas e pessoas, balanceando a necessidade de automação e ampliação.

  • Criar novas funções para os cargos. Liberar as pessoas das funções dos cargos e montar equipes ágeis e com base em projetos.

  • Mapear as habilidades para as novas funções. Avaliar as capacidades internas necessárias para as novas funções. Em seguida, combinar com as habilidades existentes ou buscar novos talentos.

Reimagine Work
Pivot the Workforce
  • Direcionar a força de trabalho para novos modelos de negócios. Orientar as equipes para dar suporte a novas experiências do cliente.

  • Reconhecer o caso de negócio. Usar automação para promover o crescimento, reinvestindo as economias na força de trabalho do futuro.

  • Organizar para obter agilidade. Criar processos flexíveis, gerenciar a força de trabalho para dar suporte aos negócios centrais e aos novos.

  • Promover um novo DNA de liderança. Cultivar líderes em todos os níveis para ajudar a direcionar a força de trabalho para novos modelos de crescimento.

Pivot the Workforce
Scale up New Skilling
  • Priorizar habilidades para o desenvolvimento. Atingir o equilíbrio entre habilidades técnicas, sociais e de julgamento.

  • Procurar novas habilidades. Atender a diversos níveis de habilidades e disposição para aprender.

  • Ser digital. Usar RV, RA e IA para aumentar a velocidade e a escala do treinamento efetivo.

Scale up New Skilling

CONHEÇA MAIS

BAIXE A TRANSCRIÇÃO DO VÍDEO [PDF]

SAIBA MAIS SOBRE A FORÇA DE TRABALHO DO FUTURO

ENTRE EM CONTATO