Na Accenture temos o compromisso de acelerar a equidade para todas as pessoas. O tema é tão prioritário para a empresa que temos uma área de Inclusão & Diversidade que tem como objetivo reforçar ainda mais o nosso compromisso com o tema. 

Para o dia da Conscientização do Autismo realizamos uma conversa com funcionários que convivem com o autismo de diferentes perspectivas. Compartilhamos experiências e opiniões, preocupações e sugestões que impulsionam as ações de inclusão. Alex Sudati, consultor da área de Analytics, de Strategy & Consulting, foi um dos convidados e compartilhou parte da sua história. 

“Sou natural de Santiago (RS) e minha família é do Rio Grande do Sul, da cidade de São Francisco de Assis. Foi lá que passei boa parte da minha vida. Há 11 anos vim para São Paulo para abraçar uma proposta de emprego como cabeleireiro.  

Neste salão uma amiga sugeriu um teste para o Transtorno do Espectro Autista. Eu já percebia algumas características do TEA no meu comportamento, tais como não manter contato visual por muito tempo, dificuldade em socializar, ser muito metódico e a dificuldade em entender piadas, ironias e facilidade em aprender temas do meu interesse. Mas, antes de ouvir alguém falar sobre isso, eu acreditava que eram características da minha personalidade. Porém, sempre me senti diferente e com a sensação de que não me encaixava em nenhum lugar. 

Quando obtive meu diagnóstico positivo, já havia lido e pesquisado sobre o tema e, pela primeira vez percebi que os temas começaram a fazer algum sentido.  

Transição de carreira e novos desafios  

Nesta mesma época, eu pensava em mudar de profissão. Sempre gostei de tecnologia e ficava horas na frente do computador. A minha transição de carreira surgiu por meio da Specialisterne. Eles compreendem os aspectos técnicos e sociais de pessoas com autismo e ajudam na inserção e capacitação destes profissionais no mercado de trabalho - para trabalhar com atividades administrativas, testes de software, programação, análise de dados, entre outras. Foi por meio deles que consegui ingressar na Accenture, onde estou há mais de um ano.  

A inclusão talentos 

Desde que ingressei na Accenture , atuo em projetos para clientes criando dashboards e analisando dados em ferramentas como Qlik Sense e PowerBI e a cada dia eu aprendo algo. Também faço cursos e estudo muito online. A Accenture me incentiva a me capacitar cada vez mais para atuar em outras frentes.  

Percebo que meus líderes conhecem e respeitam minhas características,incentivam o meu desenvolvimento e isso permite que o aprendizado seja colaborativo.  

Participar do painel do Dia Mundial de Conscientização do Autismo foi demonstrar para as pessoas que eu estou em paz com meu diagnóstico, que me supero a cada dia e que podemos abertamente falar e aprender muito uns com os outros.   

Empresas que têm essa visão tem a vantagem de ajudar a observar as qualidades e características das outras pessoas sem julgá-las certas ou erradas. Desta forma, pessoas neurodivergentes e neurotípicas buscam formas de interação que não são impostas, mas que são o resultado de troca e compreensão mútuas.”  

Conecte-se com o Alex pelo Linkedin.   

Saiba mais sobre a carreira na Accenture: Carreiras na Accenture 

Fique conectado

Junte-se à nossa equipe

Busque oportunidades de emprego que correspondam às suas habilidades e interesses. Procuramos pessoas proativas, curiosas, criativas e que saibam trabalhar em equipe para encontrar soluções.

Mantenha-se atualizado

Fique informado com dicas que você poderá usar hoje mesmo sobre carreiras, perspectivas do pessoal interno e percepções de ponta setoriais - tudo vindo de quem trabalha aqui.

Fique conectado

Receba alertas sobre vagas, as últimas notícias e dicas do pessoal interno adaptadas às suas preferências. Veja quais oportunidades empolgantes e gratificantes o aguardam.

Veja todas
Subscribe to Accenture's Temos o compromisso de acelerar a equidade para todas as pessoas Blog Subscribe to Accenture's Temos o compromisso de acelerar a equidade para todas as pessoas Blog